4 dicas para se estabelecer uma gestão financeira eficiente em hotéis


Promover uma gestão financeira eficiente em hotéis é um grande desafio. Afinal, as mudanças no setor, oscilações na economia e novas regulamentações, são sinônimos de maiores despesas. Afetando o fluxo de caixa. Vivenciamos isso com a pandemia. Por todos os países, os hotéis ficaram por um período fechados. Com o retorno das atividades, foram necessários investimentos em adaptações para a segurança de colaboradores e hóspedes. O cenário seguiu com taxas de ocupação baixas, impactando no RevPAR. Atualmente, a situação ainda é preocupante. Com o cancelamento do carnaval, a cidade de Salvador (BA), por exemplo, já deve registrar uma ocupação dos hotéis 70% menor do que foi em 2020, segundo pesquisa da ABIH. Dessa forma, equilibrar receitas e despesas tornou-se ainda mais complexo. Mas, qual é a saída? As empresas do setor hoteleiro precisam rever a sua gestão financeira. Se a sua rede hoteleira também sente os impactos da pandemia, saiba que existem estratégias e soluções para auxiliá-los. Compartilhamos abaixo 4 dicas para se estabelecer uma gestão financeira eficiente em hotéis. Continue a leitura! 1 – Levante quais são os custos que mais impactam a sua rede hoteleira É preciso estar atento às despesas que mais desafiam a gestão de custos. Isso facilita o controle de gastos e possibilita um planejamento adequado pelo setor financeiro. Permite ainda a busca de soluções viáveis para a redução de despesas. O que gera mais economia, mas sem diminuir a excelência dos serviços prestados por sua rede. Fique de olho nestes custos operacionais: Energia elétrica – Custos com energia representam uma considerável parcela no total de despesas dos hotéis. Investir em treinamentos e conscientização dos colaboradores, apostar na geração de energia solar, são alternativas para reduzi-los. Marketing – toda rede hoteleira precisa de divulgação para garantir a captação de clientes e se manter competitiva no mercado. Esse trabalho é realizado por meio de estratégias de marketing e representam custos consideráveis. Ao estabelecer o budget do setor responsável, considere a situação financeira do negócio como um todo. Limite os valores que serão investidos. Folha de pagamento e serviços básicos - O gasto com funcionários possui um impacto significativo na somatória das despesas fixas da empresa. A manutenção da folha de pagamento abarca uma grande soma mensal, independentemente do tamanho da sua rede. Apostar na contratação de prestadores de serviços como limpeza e jardinagem é uma saída mais econômica. 2 – Avalie a possibilidade de terceirização dos serviços básicos Ponha na ponta do lápis quais os serviços básicos dos seus empreendimentos são realizados periodicamente. Calcule o valor gasto com essas tarefas. Observe os custos de RH, os encargos e tributos exigidos para a manutenção dos funcionários responsáveis. Avalie a possibilidade da terceirização dessas atividades. Campanhas de marketing, elaboração de folders promocionais ou, atividades como manutenção hidráulica, por exemplo, são tarefas que podem ser terceirizadas. 3 – Negocie com os parceiros Reveja os custos com serviços bancários. Quanto você tem gasto com taxa das administradoras de cartão de crédito? Já pensou em negociar, junto à instituição financeira, condições e valores melhores para a sua rede hoteleira? Tente estabelecer prazos maiores para os pagamentos. Tenha uma boa argumentação, exponha as dores e necessidades do seu empreendimento. Essa dica vale para a relação com os demais fornecedores. 4 – Invista em soluções tecnológicas Para otimizar a gestão de custos você pode optar pelos recursos tecnológicos disponíveis. Já existem no mercado diversas ferramentas como os softwares específicos para gestão hoteleira. Essas soluções auxiliam na integração e análise das informações de cada um dos setores e contribuem para a redução das despesas. Aqui, na CONCERT Cloud, ofertamos soluções inteligentes como serviço (SaaS), para te apoiar na gestão do consumo de recursos – energia, gás e água. Por meio de sensores, gateways e de uma plataforma IoT, monitoramos o índice de consumo, por cada unidade (apartamento). Apresentando dados estratégicos que auxiliam a gestão a ter mais autonomia na tomada de ações e decisões para reduzir esses gastos. Além disso, nossa plataforma identifica pontos de vazamentos. Possibilitando uma visão antecipada de uma situação que, se não observada e solucionada com rapidez, pode levar a um grande prejuízo. Uma das principais vantagens de adotar tecnologias, como as apresentadas, é a relação custo X benefício. Por um pequeno investimento mensal a sua rede hoteleira pode implementar essas ferramentas, organizar as finanças, reduzir custos, maximizar a lucratividade e agregar valor positivo à marca. Gostou das dicas para se estabelecer uma gestão financeira eficiente em hotéis? Já aplica alguma delas? Compartilhe com a gente a experiência da sua rede. Para saber mais sobre as soluções CONCERT Cloud, converse com nossos consultores.

8 visualizações0 comentário